Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para busca 3 Ir para rodapé 4 Acessibilidade 5 Alto contraste 6

---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

assistênciasocial
Assistência Social de Descanso irá retomar as atividades presenciais dos grupos atendidos pelo PAIF

Publicado em 21/07/2021 às 14:03 - Atualizado em 21/07/2021 às 14:37

Os encontros serão realizados no CRAS e no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos
Créditos: Sandra Ghidini Baixar Imagem

A Secretaria de Assistência Social, por meio do CRAS, irá retomar em agosto os encontros presenciais do serviço de Proteção e Atendimento Integral às Famílias (PAIF), que realiza várias atividades com grupos de idosos, cuidadores e mulheres de Descanso.

Conforme a secretária de Assistência Social, Andressa Brugnerotto, as atividades presenciais dos grupos estavam suspensas devido à pandemia, mas a Secretaria continuou realizando as visitas domiciliares, tomando todos os cuidados em relação à Covid-19.

“Durante a pandemia os grupos são puderam se encontrar, mas receberam atendimento individualizado, acolhimento e visitas pelas equipes tanto da Assistência como do CRAS, dando assim, o suporte e amparo necessário a essas famílias. Agora, com a redução dos níveis de contaminação do coronavírus no município, vamos voltar, seguindo o protocolo de segurança, para a proteção da nossa equipe e também das pessoas atendidas”, comenta.

Os encontros serão realizados no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, localizado na linha Campinas e no CRAS, que passou por uma reforma recentemente.

A coordenadora do CRAS, Suzamara Miotto, explica o que é o PAIF. “O projeto consiste no trabalho social e continuado com as famílias, com objetivo de fortalecer a função protetiva da família, prevenir uma possível ruptura de seus vínculos, além de contribuir na melhoria da qualidade de vida dessas pessoas, por meio de ações preventivas, protetivas e proativas, como os grupos. Eles representam um momento de interação, de identificação e nesse momento de pandemia é ainda mais importante essa retomada, pois são oportunidades de se relacionar, se desenvolver, de cuidar de si e cuidar uns dos outros”, destaca.

Reforma do CRAS

Na obra foram investidos aproximadamente R$ 100 mil de recursos próprios, que contemplou a reforma total do imóvel, com adaptações e adequações de acessibilidade.

Para Andressa, a reforma simboliza um avanço na qualidade do atendimento da proteção social básica realizada pelo CRAS. “Hoje o espaço conta com uma melhor distribuição das salas e uma estrutura de melhor qualidade, mais aconchegante e convidativa para toda a equipe e também para a população atendida”, finaliza.