---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

assistênciasocial
Usuários da oficina de Muay Thai conquistam três medalhas de ouro em competição nacional

Publicado em 06/11/2018 às 16:22 - Atualizado em 06/11/2018 às 16:44

Competição foi em Porto Alegre (RS)
Créditos: Divulgação Baixar Imagem

Vanessa Karine/Deonir Dalpias (Paulo Dim)

No último final de semana nove usuários do programa do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) do município de Descanso, alunos da oficina de Muay Thai, participaram da competição nacional, realizada em Porto Alegre (RS), com a participação de atletas de 12 estados brasileiros.

Os adolescentes conquistaram três medalhas de ouro e cinco de prata, classificação que proporciona a oportunidade de competir na Turquia no próximo ano, e o Pan-Americano, em Buenos Aires, na Argentina, em dezembro deste ano, explica o professor João Danilo Balke.

“A instituição que promoveu o campeonato do último final de semana é registrada no Comitê Olímpico Brasileiro, e os alunos que se classificaram em primeiro lugar tem vaga garantida na Turquia e no Pan-Americano. Precisamos agora buscar condições para tal feito. Na etapa nacional, o Governo Municipal e empresas do município contribuíram para que pudéssemos competir”, ressalta o professor.

João frisa ainda que foi um final de semana de muito aprendizado. “Esses adolescentes estão cada dia mais dedicados ao esporte, sempre desenvolvendo uma dinâmica de muito respeito e educação, ou seja, promovendo uma cultura esportista de muita disciplina. A competição foi muito valiosa, principalmente pela experiência que eles tiveram. São alunos muito dedicados, se comportaram muito bem do início ao fim, considero-os crianças muito especiais, moram no meu coração”, finaliza Balke.

Para a secretária de Assistência Social, Josemari Leal Wandscheer, incentivar esses adolescentes é de suma importância. “Acredito que todo e qualquer incentivo, na vida dessas crianças e adolescentes são importantes. O Governo Municipal, por intermédio da Secretaria de Assistência Social, busca sempre pela inclusão desses adolescentes nas políticas públicas, porque acreditamos nas mudanças que elas podem fazer na vida deles”, destaca a secretária.


Galeria de Fotos

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar